A Vaca Louca e Seu Badalo
A Louca Vida no Campo
     setembro 29, 2005

De Quando Nos Rilham o Rolo na Revelação 

 

Flea - R.I.P.

plantado por Badalo @ 01:32 |

   
     setembro 28, 2005

Prémio 

 

Maior Correspondência Entre Conteúdo e Endereço Web:

É aqui.

plantado por Badalo @ 00:52 |

   
     setembro 27, 2005

Já Cá Faltava a Má-Língua... 

 

Quando precisarmos de confortar o nosso ego nacional, e agora usando como referência os reality shows que por cá se fazem, Méhéhéhééé basta espreitar os nossos amigos croatas. Em Zagreb resolveram pôr sete ovelhas numa quinta, filmá-las vinte e quatro horas por dia e submetê-las a saraus literários com escritores convidados. A páginas tantas o público terá de votar na ovelha a expulsar, a qual tem um de dois destinos possíveis: ou é adoptada por um internauta (pelo que se percebeu - o croata tem algumas nuances que não dominamos completamente - o concurso está disponibilizado somente via internet), ou então vai direitinha ao matadouro. Ora toma lá cerejas!
Quase nos penitenciamos por publicitar tal iniciativa, mas para que não se pense que é um delírio da nossa parte (seria o primeiro!!), a coisa pode ser espreitada aqui.


plantado por Badalo @ 20:15 |

   
     setembro 25, 2005

Noblesse Oblige 

 

Para quê tentarmos ludibriar os NEL (para quem acaba de conhecer esta página fique desde já com a sensação de pertença - referimo-nos aos Nossos Estimados Leitores) inventando uma qualquer tanga que disfarçasse esta nova ausência, por quase mês e meio, que terminou há três dias? Não serão os NEL os indivíduos mais atentos e perspicazes da blogosfera? Certamente! Por isso mesmo decidimos que seria aconselhável enfrentar a verdade sem escamotear qualquer aspecto relevante.
A verdade-verdadinha (que, como é consabido, se distingue da verdade-mais-ou-menos-verdadeira) é que estivémos, eu e a pombura, em missão oficial protocolar de repovoação numa colónia do planeta Vírgula, situado na baixa comercial da nossa Via Láctea. Ou seja, foi-nos pedido que produzíssemos uma série de vitelinhos e guizos, para assegurar a juventude da população local.

Eles São Sempre Discretos

Esta será a altura certa de revelarmos, e na sequência do nosso rapto em Abril, que nem todos os alienígenas são más pessoas.(*) Estes, do planeta Vírgula, ofereceram-nos um estupendo manual, o Manual Supremo das Fertilizações Adubeiras, do Prof. XKE67, ainda pouco conhecido entre nós mas detentor de uma corrente doutrinária na região de Sirius que está a ganhar força, e ainda uma bancada de ferramentas nova para pequenos trabalhos na quinta, em troca de uma estadia numa colónia ali perto cujo intuito, já o revelámos, foi precisamente o de repovoar uma região vitimizada pelo êxodo rural, sobretudo motivada pela dureza do solo, a qual obstaculiza sobremaneira à abertura de caboucos para instalação de televisão por cabo.
Foi giro, gostámos. E estamos prontos para novas aventuras!
_________

(*) - Esta declaração é proferida nos termos do Protocolo Interestelar n.º CCIIIVI/05, art.º 877.º, n.º 12, subalínea az), de 18 de Julho.

plantado por Badalo @ 15:04 |

   
     setembro 23, 2005

Poema Dadaista-Gráfico 

 

um trombone,, dois, trombones, três trombones
a passear
se não fossem as dores nas cosrtas
ainda tetanva acompanhar
os trombones na passeata
Mas como sabem trombones e vacas
não ligam
apesar de instrumentos de alguma monta
se levassem uma sopradela valente
saltavam-lhes os pistons
e depois como fariam
os trombones
para atravessar as passadeiras?
assim fiquei pela quinta a remoer esta cena
raio dos trombones
que só pensam
na galdérice



Agora a tradução, para os mais incultos:

Um trombone, dois trombones, três trombones
A passear
Se não fossem as dores nas costas
Ainda tentava acompanhar
Os trombones na passeata
Mas como sabem trombones e vacas
Não ligam
Apesar de instrumentos de alguma monta
Se levassem uma sopradela valente
Saltavam-lhes os pistons
E depois como fariam
Os trombones
Para atravessarem as passadeiras?
Assim me fiquei pela Quinta
A remoer esta cena
Raio dos trombones
Que só pensam
Na galdérice

plantado por Vaca Louca @ 20:00 |

   
     setembro 22, 2005

O Choque Tecnológico 

 

Confesso nunca ter percebido do que se falava quando se falava de choque tecnológico (ignorância minha, decerto), mas finalmente, ontem, consegui perceber, pois tive o exemplo vivo da questão.
Já todos devem ter visto alguns cegos que vagueiam pela cidade, pedindo esmola e tocando acordeão. Alguns andam nos comboios, outros arranjam banquinhos e sentam-se em qualquer uma praça, e ali estão horas, dedilhando o instrumento.
Eu ontem, vi um, um dos banquinhos, mas o acordeão tinha sido substituído por um gravador portátil, cor-de-rosa, que tocava incessantemente aquelas mesmas músicas irritantes de acordeão, e assim apanhei um enorme choque, tecnológico, claro está.

plantado por Vaca Louca @ 09:47 |

   
     


 

O Parzito
Ó Pra Nós

Tractor de Busca

A Parada

- Census -
Vou Assinalar Abaixo a Minha Idade:
De 4 a 6 anos.
De 7 a 10 anos.
De 11 a 15 anos.
Mais de 15 anos.

Sótão

  • Janeiro 2004
  • Fevereiro 2004
  • Março 2004
  • Abril 2004
  • Maio 2004
  • Junho 2004
  • Julho 2004
  • Agosto 2004
  • Setembro 2004
  • Outubro 2004
  • Novembro 2004
  • Dezembro 2004
  • Janeiro 2005
  • Fevereiro 2005
  • Março 2005
  • Abril 2005
  • Maio 2005
  • Junho 2005
  • Julho 2005
  • Agosto 2005
  • Setembro 2005
  • Outubro 2005
  • Novembro 2005
  • Janeiro 2006
  • Fevereiro 2006
  • Outubro 2006
  • Na Pocilga
    Diário da República I, II, e III séries

    No Celeiro
    Nove Amanhãs
    Isaac Asimov


    Weirdos From Another Planet
    Bill Waterson


    Sonetos
    Florbela Espanca

    Especialidades da Casa
    · bAtAtAs FrItAs
    · Fata Morgana
    · Luz & Sombra
    · Novos Vôos
    · Os Dias da Música
    · Robina

    Poços de Cultura
    · A Causa foi Modificada
    · A Origem do Amor
    · Aviz
    · Barnabé
    · Blog de Esquerda II
    · Contra a Corrente
    · Ene Coisas
    · Exacto

    Fontes de Lazer
    · A Funda São
    · Abstracto Concreto
    · Blogue dos Marretas
    · Carapau de Corrida
    · Catwalk
    · Cruxices
    · Espuma dos Dias
    · Farinha Amparo
    · Gato Fedorento
    · Gotinha
    · Há VidemMarkl
    · Just a Kiss?
    · Miss Vitriolica
    · Mas Isto...?
    · His Guide To Our Galaxy
    · Núcleo Duro
    · Psicotapa
    · Quinta dos Animais
    · Sem Pénis, Nem Inveja
    · The English Manager
    · The Old Man
    · Triciclo Feliz
    · Webcedário

    Pastagens Frescas
    · 100 Tretas
    · 3Tesas Não Pagam Dívidas
    · Baby lónia
    · Blimunda
    · Blogopédia
    · Diário de Um Pêlo Púbico
    · Dúvidas Dúbias
    · O Blog do Bidé
    · O Diário de Conchita
    · O Meu País Azul
    · O Vizinho
    · Pé de Meia
    · Porca de Vida
    · R por Minuto
    · Too Much
    · Yulunga
    · You’ve Got Mail

    Planícies de Aluvião
    · Bimba Ininteligível
    · Fachadas Perversas
    · Guerra dos Sexos
    · Horizonte Quase Perdido
    · Pobre Menina Rica
    · Porquinho da Índia

    Caixa de Areia
    · Construir
    · Ginástica Digital
    · Imberbe
    · Mystery of Time&Space
    · Mixturar
    · Pérolas a Porcos

    Baú
    · 10.ª Arte
    · Arte?
    · Crítica
    · Emily
    · Inépcia
    · Leituras
    · Hi Tech
    · La Fura
    · O Culpado
    · Subterrâneo

    Alfaias
    · Animados
    · Cinemas
    · Cores
    · Dicionário
    · Dictionary
    · Escola
    · Estáticos
    · Estáticos II
    · Farmácias
    · Index

    Escreva-nos

    Site Meter

    Design by
    ButchyWaffers.com

    Powered by
    Blogger

    Powered by Blogger

    Weblog Commenting by HaloScan.com


    Free polls from Pollhost.com
       


     

    ______________


    ______________


       

    ______________


       

    ______________


       

    ______________


       

    ______________


       

    ______________